Lato Sensu em Psicologia Jurídica e Ciências Criminais

null

Matrículas Abertas

até dia 03/08/2019

null

Aula Inaugural

09/08/2019

null

Início das Aulas

10/08/2019

null

24 meses

Aulas Quinzenais. Sexta-feira das 19h às 22h e Sábado das 8h às 18h

null

Endereço

Av. Advogado Horácio Raccanello Filho, 5475 – Zona 01, Maringá – PR, 87020-035

Apresentação

O curso de Psicologia Jurídica e Ciências Criminais têm como objetivo principal a compreensão de crimes e comportamentos desviantes. Sua área de atuação fica em torno da personalidade delituosa e situações processuais tanto do âmbito civil quanto penal. Irá abranger principalmente as sete grandes áreas de que trata a Psicologia Jurídica:

 

  • Psicologia Jurídica (Forense)
  • Psicologia Investigativa
  • Psicologia Policial
  • Psicologia Criminal
  • Psicopatologia Forense
  • Psicologia Penitenciária
  • Psicologia do Testemunho

 

Para quem é o curso

Profissionais da Saúde, Psicólogos, Médicos, Ciências Sociais, Ciências Jurídicas, Serviço Social, Filosofia, Educação, Antropologia, Advogados, Policiais, Promotores, Juízes e Delegados. Ainda, a todo profissional que se interessa pela Psicologia, Direito e Ciências Criminais.

Mercado de Trabalho

A Psicologia Jurídica associada às Ciências Criminais se interessam por pessoas e grupos em ambiente juridicamente regulamentado. Assim, buscariam em seu sentido mais amplo, conhecer a natureza humana e todos os aspectos que regem o comportamento apresentado como normal ou patológico. Está em grande expansão e procura dentro do mercado de trabalho, já que é necessário, técnica, conhecimento e perícia para assertiva instrumentalização neste campo de atuação, que podem estar inseridas nas áreas:

Atendimento Clínico especializado: o profissional de psicologia diante das grandes demandas de pacientes que sofrem alienação parental, bullyung , abuso sexual infantil, assédios morais e sexuais, podem com maior facilidade detectar situações como estas que levam a sofrimento psíquico e adoecimentos. Podendo assim, além de diagnosticar, atuar na resolução destes conflitos.

Direito Cível: auxiliando na identificação de casos de alienação parental, bullying, divórcios litigiosos, mediações e resoluções de conflito, processos de adoção e definição de guardas, situações  Indenizatórias, onde existirem danos psíquicos.

Direito Penal: Esclarecer crimes tornou-se desempenho em destaque dentro da prática forense. Peritos e especialistas de áreas distintas como Biologia, Antropologia Computação, Química, Matemática e Medicina se unem as ciências forense para elucidar crimes e chegar até o criminoso.

Mediação, Reconciliação e resolução de conflitos: a psicologia jurídica usa a mediação como instrumento que possibilite acordos e arranjos extrajurídicos, busca a solução de conflitos e possibilidade de dialogo entre as partes conflitantes. Os profissionais habilitados em Psicologia Jurídica e ciências criminais podem através de seu conhecimento analisar a situação de forma mais ampla para assim poder ser imparcial.

Psicologia Forense: Nas questões processuais onde exista a necessidade de laudo técnico. Assim, cada parte pode por direito constituir ou pedir por assistentes técnicos capacitados. Este profissional é de grande importância, pois será ele quem irá dentro das suas atribuições realizarem laudos que aferem psicopatologias e as documentações necessárias para a situação pericial.

Instituições Policiais: atuará na orientação e atendimento de vítimas e agressores em delegacias especializadas, buscando a capacitação e instrumentalização da equipe e profissionais para atuar nos casos de vítimas e agressores. Bem como, na capacitação de profissionais da área que necessitam de escape para situações estressantes a que estão expostos diariamente, elevando assim a saúde mental destes trabalhadores.

Psicopatologia Forense: na grande área Criminal na aferição de inimputabilidade, avaliação da responsabilidade penal, dando total assistência na formulação de pretextos criminais, dar assessoria e orientações em processos relacionados  a dependência química, delitos sexuais de natureza motivada por psicopatologias ou não.

Ministério Público: Auxiliando e assessorando casos que envolvam a vara da infância e juventude, pessoa portadora de necessidades especiais, idosos, e dentro do Direito Público.

Justiça do Trabalho: no âmbito do trabalho visa às avaliações psicológicas que envolva situações problemas como: acidentes de trabalho, casos de indenizações visto nos assédios ou abuso moral e/ou sexual, avaliação de transtornos advindos das relações laborais ou ambiente nocivos no trabalho.

Objetivos

A graduação em Psicologia Jurídica e Ciências Criminais visa:

  • Capacitar profissionais de qualidade para as demandas do judiciário e dos elementos processuais civis ou penais.
  • Qualificar e oferecer psicólogos para atuação no campo jurídico.
  • Instrumentalizar profissionais das mais diversas áreas do saber em sua interface com o Direito, agindo como interprete nas demandas processuais civis ou penais.

Das empresas buscam profissionais com competência de gestão

Alcançam uma promoção

Ter uma pós-graduação pode aumentar em cerca de 60% sua remuneração

Fonte: Infomoney

COORDENADORA

87639052-e2ae-4043-917b-67f04d9d5c69

Valesca Oliveira Passafaro

Psicologa possui graduação em Psicologia pela Unicesumar, é Especialista em Psicanálise pelo Núcleo de Ensino Paranaense, (NECPAR). Especialização em Docência no Ensino Superior: Tecnologias Educacionais e Inovação e Mestranda em Ciências Jurídicas pela Unicesumar. Atualmente é Psicóloga Clínica e Supervisora Clínica – Área Psicanalítica. Atua como docente de Psicologia Jurídica no departamento de Direito na Unicesumar, Docente em Psicologia Florense no departamento de Direito e Psicologia e Direitos Humanos no departamento de Psicologia na instituição Unifatecie. Pesquisadora nas áreas de psicopatologia e psicologia social, técnica no grupo de pesquisa Direito, Estado e Bioética e pesquisadora do grupo de pesquisa Instrumentos Jurisdicionais de Efetividade dos Direitos da Personalidade, do Centro de Ensino Superior de Maringá vinculados ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPQ.

DOCENTES

Aline Lobato

Psicóloga. Doutora e mestre em Psicologia Investigativa pela Universidade de Liverpool-Inglaterra. Especialista em Psicologia Clínica pela Universidade Estadual da Paraíba-UEPB.

Professora efetiva e titular do Departamento de Psicologia e do Departamento de Direito-UEPB. Foi coordenadora dos Cursos de Especialização em: Inteligência Policial e Análise Criminal; Direito Penal e Processual Penal e em Segurança Pública (MJ/SSP-PB/ACADEPOL-PB/UEPB).

Professora de cursos de especialização em: Direito Penal; Segurança Pública; Perícia Criminal; Inteligência Policial e Análise Criminal (UEPB). Professora dos Cursos de Especialização em: Segurança Pública da Polícia Militar do Estado da Paraíba-PB; Ciências Criminais-CESREI-PB; Psicologia Jurídica-FIP-PB; Psicologia Jurídica-FACHO-PE; Perícia Criminal & Ciências Forenses-DALMASS-PA; Psicologia Jurídica e Inteligência Criminal-INCURSOS-GO; Criminal Profiling-IPEBJ-SP. Professora ministrante de vários cursos para a Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Federal, Escolas de Magistratura, Fóruns Criminais e Universidades, na área de Análise da Cena do Crime e do Perfil dos Criminosos; Comportamento Criminal; Técnicas de Investigação; Geografia do Crime; Criminal Profiling e Psicologia Investigativa. Palestrante em congressos e simpósios nacionais e internacionais. Avaliadora de artigos e membro de corpo editorial de Revistas Científicas.

Ex-presidente da Associação Brasileira de Psicologia Jurídica-ABPJ. Diretora do Diretório Regional Nordeste da ABPJ e ex-presidente nacional da ABPJ. Única brasileira com mestrado e doutorado em Investigative Psychology (Psicologia Investigativa).

antonio-eça

Antonio Eça

Possui graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina da Fundação do ABC (1974), com formação em psiquiatria pelo Manicômio Judiciário do Estado – Hospital de Custódia e Tratamento ‘Prof André Teixeira Lima’ (1975-1978); especialista em Psiquiatria pela Associação Brasileira de Psiquiatria (1981), e Mestrado em Psicologia pela Universidade São Marcos (1998). Atualmente é diretor médico do CAS – Centro de Atualização em Saúde, professor de cursos de graduação, pós graduação e extensão em Psiquiatria Clínica, Psicopatologia Forense, Medicina Legal e Criminologia, e tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Psiquiatria Clínica, Forense e Psicoterapia, além de Medicina Legal. Atua como perito e assistente técnico em varas Criminais, Cíveis e de Família.

carmem

Carmen Lucia R. Schichhiting

Possui graduação em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Estadual de Maringá (1994), Especialização em Farmacologia pela Universidade Estadual de Maringá e mestrado em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Estadual de Maringá (2003). Atualmente é professora da Unidade de Ensino Superior Ingá e Perito criminal do Instituto de Criminalística, chefe da Seção Técnica de Maringá. Tem experiência na área de Farmácia, com ênfase em Farmácia, atuando principalmente nos seguintes temas: Toxicologia, Atenção farmacêutica, Cuidado Farmacêutico, Perito Criminal, Perícia e Polícia Científica.

gerson

Gerson Antônio de Ávila

Possui graduação em Medicina pela Fundação Faculdade Federal de Ciências Médicas de Porto Alegre (1978), mestrado em Medicina (Ortopedia e Traumatologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994) e doutorado em Medicina (Ortopedia e Traumatologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1996). Professor adjunto da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul nas disciplinas de Medicina Legal e Ética Médica. Membro Titular do Sociedade Brasileira de Traumatologia e Ortopedia. Membro Efetivo da Sociedade Brasileira de Trauma Ortopédico. Coordenador Regional e Chefe do Serviço de Medicina Social do ex-INAMPS (1984-1986). Co-responsável pelo Serviço de Alto Custo do Ministério da Saúde e Secretaria Estadual de Saúde do Setor de Traumatologia e Ortopedia. Pesquisador nas áreas de cuidado e tratamento ao idoso em traumato e ortopedia e metalurgia e métodos físicos aplicáveis a implantes ortopédicos. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Medicina Legal e Deontologia, atuando principalmente nos seguintes temas: bioética, medicina, traumatologia, violência e traumatizados.

Gilson Aguiar

Possui graduação em História pela Universidade Estadual de Maringá (1991) e mestrado em História e Sociedade pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1999). Atualmente é professor titular do Centro Universitário de Maringá e do Ensino a Distância do UniCesumar. Atua nas áreas de Teoria das Ciências Sociais, Sociologia da Educação, Filosofia da Educação e História da Educação. Possui livros publicados nas Áreas de Sociologia, Antropologia, Filosofia e História da Educação. Atua como jornalista na rede CBN de rádio. É âncora e colunista na CBN Maringá e Revista da ACIM.

Gustavo

Gustavo Noronha de Ávila

Possui graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2004), Mestrado (2006) e Doutorado (2012) em Ciências Criminais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Realizou Estágio de Pós-Doutoramento, sob a supervisão da Profa. Dra. Lilian Milnitsky Stein, no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da PUCRS (2018). Atualmente, é Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação, Mestrado e Doutorado, em Ciência Jurídica do Centro Universitário de Maringá. Também é Professor da Especialização em Ciências Penais da Universidade Estadual de Maringá, ABDConst, Universidade Ceuma, Universidade Feevale e Instituto Paranaense de Ensino. Consultor do Innocence Project Brasil. Membro Permanente da Associação Internacional de Criminologia em Língua Portuguesa. Membro dos Corpos Editoriais da Revista Brasileira de Ciências Criminais (Qualis A1), Revista de Estudos Criminais (Qualis A1), Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM (Qualis A1), Psicologia: Teoria e Pesquisa (Qualis A1), Revista da Faculdade de Direito da UFMG (Qualis A1), Revista de Direitos Sociais e Políticas Públicas – Unifafibe (Qualis B1), Revista da Associação dos Magistrados do Rio Grande do Sul (Qualis B1), Revista Eletrônica Direito e Sociedade – REDES (Qualis B1) e Revista Brasileira de Direito Processual Penal. Tem experiência na área do Direito, com ênfase em Direito Processual Penal, Direito Penal, Psicologia do Testemunho e Criminologia. Realiza investigações sobre as relações entre as distorções de memória e privações de liberdade, bem como tem se ocupado da análise da expansão dos controles contemporâneos.

WhatsApp Image 2019-05-23 at 13.51.13

Jaqueline da Silva Paulichi

Possui graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (2009) e Mestrado em Direitos da Personalidade – Unicesumar (2016); possui especialização em Direito Civil e Processual Civil pela Unicesumar (2010); possui especialização em Direito Aplicado pela Escola da Magistratura do Paraná (2012); Possui Especialização em Direito Tributário e Direito Público pela Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal, UNIDERP, (2012). Pós- Graduanda em docência do Ensino Superior e Metodologias Ativas pela Unicesumar. Atualmente é professora de Direito Civil na Faculdade de Tecnologia e Ciências do Norte do Paraná (FATECIE); Professora- colaboradora da Universidade Estadual de Maringá (UEM). Membra do Conselho de Pesquisa e Extensão da UNIFATECIE (Faculdade de Tecnologia e Ciências do Norte do Paraná) de Paranavaí; Editora adjunta da Revista de Constitucionalização do Direito- RECONTO- da Unifatecie de Paranavaí. Advogada – Advocacia Jaqueline S. Paulichi. Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito Civil e Processual Civil, atuando principalmente nos seguintes temas: direitos da personalidade, direito civil, bioética, direitos humanos e reprodução humana assistida, contratos e direito empresarial.

Jaqueline Feltrin Inada

Doutora em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, mestre em Filosofia pelo Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” e graduada em Psicologia pela Universidade Estadual de Maringá. Professora e supervisora de estágio do curso de Psicologia (T40) e coordenadora de pós-graduação lato sensu em nível de especialização em Saúde Mental, Psicopatologias e Atenção Psicossocial da UniCesumar. Psicóloga clínica – área psicanalítica.

Jonas

Jonas Domingos

Possui graduação em História pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci (2013) e pós-graduação latu sensu em Inteligência Policial pela Faculdade Campos Elísios (2018). Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Instituições Governamentais Específicas, pesquisando temas sobre espionagem, inteligência de estado e de segurança pública, análise e investigação criminal. Atua como policial civil no estado de São Paulo.

57f1aed9-05e1-483c-a170-1a030eb46377

Leonardo Pestillo de Oliveira

Possui Graduação em Psicologia pela Universidade Estadual de Maringá, Mestrado em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá. Doutor em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, com período sanduíche na Université du Québec à Trois-Rivières-Canadá. Pós-doutorado em Saúde Global pela Duke University-EUA. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia do Esporte e Promoção da Saúde. Atualmente é professor do Mestrado em Promoção da Saúde e do curso de graduação em Psicologia do Centro Universitário Cesumar (UniCesumar). Líder do Grupo de Pesquisa/CNPQ Psicologia, Esporte e Saúde – PES. Membro do Comitê de Ética em Pesquisa da UniCesumar. Pesquisador Bolsista – Modalidade Produtividade em Pesquisa para Doutor – PPD – do Instituto Cesumar de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICETI).

Marcia

Marcia L. C. de Melo

Advogada Mestranda na pós-graduação stricto sensu em Ciências Jurídicas do Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR). Especialista em Direito Processual Moderno – Pós-graduação lato sensu pela Universidade Anhanguera (UNDERP). Mentora com formação pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Conciliadora com formação no Centro de Estudos Judiciário do Conselho da Justiça Federal.  Conciliadora na 6ª Vara da Justiça Federal de Maringá-PR. Coach pela Sociedade Latino Americana de Coaching (SLAC). Certificada em Prática de Programação Neurolinguística (PNL) pela SLAC.

Mariana

Mariana da Silva Ferreira

Médica graduada pela Universidade de Marília no ano de 2005. Residência Médica em Medicina Legal e Perícia Médica pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2009). Título de especialista em Medicina Legal e Perícia Médica. Médica legista com atuação em Sexologia Forense e perícia criminal geral, no Instituto Médico Legal de São Paulo. Compõe a equipe de médicas legistas do Programa Bem-Me-Quer. Principal atuação com ênfase em Medicina Legal e Perícia Médica. Atual pós-graduação em Sexualidade Humana (Prosex) pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Professora de Direito.

Rui Matheus Joaquim

Doutor em Ciências, ênfase em Neuropsicologia pelo programa de Pós- Graduação do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo (USP), Bauru- SP. Mestre em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem pelo Programa de Pós-graduação da Faculdade de Ciências da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP) Bauru – SP. Especialista em Psicologia da Saúde, Práticas Clínicas e Hospitalares (UNESP)Bauru -SP. Graduado em Psicologia (bacharelado e formação de psicólogo) pela Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba (FEA). Docente contratado do Curso de Psicologia da Faculdade de Ciências Humanas (FCH) da Universidade Federal da Grande Dourados / UFGD, Dourados  MS. Professor dos cursos de Criminal Profiling, Psicologia Jurídica e Criminologia do Instituto Paulista de Estudos Bioéticos e Jurídicos (IPEBJ) Ribeirão Preto  SP. É pesquisador nas áreas de neurociência e psicologia cognitiva tendo como interesse de pesquisa temas relacionados a neurobiologia e expressão facial da emoção, tomada de decisão, detecção de mentiras, avaliação da personalidade e comunicação não verbal do comportamento. Professor de Neurociência e Psicologia em diversas instituições de Pós-Graduação Lato-Sensu do país também tem atuado como palestrante e conferencista em eventos acadêmicos nacionais e internacionais.

87639052-e2ae-4043-917b-67f04d9d5c69

Valesca Passafaro

Psicóloga, possui graduação em Psicologia pela Unicesumar, é Especialista em Psicanálise pelo Núcleo de Ensino Paranaense, (NECPAR). Especialização em Docência no Ensino Superior: Tecnologias Educacionais e Inovação e Mestranda em Ciências Jurídicas pela Unicesumar. Atualmente é Psicóloga Clínica e Supervisora Clínica – Área Psicanalítica. Atua como docente de Psicologia Jurídica no departamento de Direito na Unicesumar, Docente em Psicologia Florense no departamento de Direito e Psicologia e Direitos Humanos no departamento de Psicologia na instituição Unifatecie. Pesquisadora nas áreas de psicopatologia e psicologia social, técnica no grupo de pesquisa Direito, Estado e Bioética e pesquisadora do grupo de pesquisa Instrumentos Jurisdicionais de Efetividade dos Direitos da Personalidade, do Centro de Ensino Superior de Maringá vinculados ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPQ.

Conteúdo Programático
  • Introdução ao Criminal Profiling
  • Metodologia de Pesquisa Cientifica
  • Fundamentos da Criminologia
  • Psicologia Aplicada na Prática Forense e Criminal
  • Sexologia Forense e crimes sexuais
  • Neurociência e Criminalidade
  • Psicologia Investigativa
  • Como se estrutura um sujeito
  • Psicologia do Testemunho
  • Inteligência Policial
  • Perfil Comportamental dos Criminosos
  • Psicopatologia Forense
  • Medicina Legal
  • Investigação Criminal
  • A Construção Histórica da Violência no Brasil
  • Criminalística
  • Micro expressões e linguagem do comportamento
  • Analise Criminal
  • Sistema de Segurança Pública
  • Noções de Direito Penal e Direito Processual Penal
  • Noções de Direito Cívil e Processual Cívil
  • Violência Urbana e Mídia
  • Técnicas de entrevistas com vitimas e suspeitos
  • Docência do Ensino Superior
  • Autopsia psicológica nas situações de suicídio
  • Mediação e Resolução de conflitos
  • Avaliação de Alienação Parental
  • Técnicas de revelação e manejo em situações de Abuso Sexual Infantil

Investimento

30 x de R$ 599,00

Os pagamentos poderão ser efetuados nos seguintes formatos:

  • Primeira opção: a vista 20% de desconto
  • Segunda Opção: em 10 parcelas: 15% de desconto
  • Terceira Opção: em 15 parcelas: 10% de desconto
  • Pagamento mensal: 30 x 599,00

*pagamentos pontuais 5% de desconto.

Descontos Especiais

  • Desconto por indicação: 5% a cada indicação que se matricular em qualquer curso de pós-graduação lato sensu.
  • Desconto para Policiais Federais, Civis, Militares e da Guarda Municipal: 20%.
  • Desconto para matriculas realizadas em grupos 5%.
  • Desconto para ex-aluno: 10% da Unifatecie.

*Descontos não se aplicam à primeira parcela do curso (referente à matrícula).

Junte-se ao
time que cresce
na crise!